• Dicas 06.06.2011

    A chegada do inverno pede uma série de cuidados especiais com os cabelos.

    Durante as estações mais frias, além da queda capilar, é comum o agravamento de doenças que acometem o couro cabeludo.

    De acordo com a terapeuta capilar Patrícia Maciel, é possível recuperar a beleza dos fios, basta tomar algumas medidas.

    Um dos erros clássicos é a utilização de água muito quente durante a lavagem. Apesar de ser mais “aconchegante”, a temperatura elevada da água estimula a produção de óleo pelas glândulas sebáceas. “A água quente também potencializa a ação dos metais existentes nas tubulações. O resultado é o aumento da oleosidade e a proliferação de fungos demodex – o que favorecem o ressecamento, a queda dos cabelos, a caspa e a seborréia. Portanto, o ideal é utilizar água morna à 20°C”, afirma a especialista.

    Outro equívoco comum é a aplicação de condicionador e cremes hidratantes na raiz dos fios. Os produtos devem ser utilizados somente no comprimento dos fios, além disto, é preciso enxaguar muito bem as mechas.

    Usar o produto para o seu tipo específico de cabelo (ressecado, oleoso, misto, normal) também evita maiores transtornos.

    Usar bonés, toucas, lenços ou qualquer acessório que abafe o couro cabeludo, impedem a ventilação e deixam as madeixas opacas. Evite o uso prolongado.

    Para diminuir a oleosidade, a terapeuta ensina uma receita. “Pegue uma touceira de hortelã, centrifugue com ½ copo de água filtrada e coe muito bem. Após a lavagem dos cabelos, aplique 20 gotas no couro cabeludo e massageie, sem enxaguar. A solução pode ser conservada em geladeira”.

    No caso de cabelos com química excessiva, converse com seu cabelereiro e, se possível, com um dermatologista para definir quais os melhores produtos para balancear o PH e obter um bom resultado.

    Posted by @ 20:32

    Tags: , , , , , , , , ,

  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *